Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

USP divulga salários de servidores a partir desta semana

A remuneração mensal mais alta alcança 60.000 reais. O salário de cada funcionário pode ser consultado pela internet

A Universidade de São Paulo (USP) começou a divulgar, a partir desta segunda-feira o salário de todos os servidores técnico-administrativos e docentes, tanto ativos quanto aposentados da instituição. As informações estão disponíveis no Portal Transparência.

A informação sobre o salário dos funcionários foi antecipada pelo jornal Folha de S.Paulo, que ganhou uma ação na justiça que obrigava a USP a fornecer os dados.

Leia também:

USP prevê déficit de 983 milhões de reais em 2015

Inquérito do MPE cita oito casos de estupro na Faculdade de Medicina da USP

USP avança em ranking, mas segue fora do grupo de elite

A remuneração mensal mais alta, superior a 60.000 reais, é do professor aposentado Arrigo Leonardo Angelini, de 90 anos, do Instituto de Psicologias. O maior salário entre os servidores é do procurador da reitoria da USP Boris Fausto, que é historiador e cientista político. O vencimento do funcionário é de 45.974 reais. Salários que estejam acima do teto do Estado – 20.600 reais mensais – devem ser cortados pela universidade por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

Para o professor Chico Miraglia, da Associação de Docentes da USP (Adusp), o resultado prático é a maior transparência. Ele cobra, no entanto, que outras divulgações devem ser feitas. “É preciso divulgar, por exemplo, gasto de obras que foram feitas. Quanto gastou? Quanto custou o cimento? O tijolo? Que obras foram feitas? Tem que haver vontade política”, disse.

(Com Estadão Conteúdo)