Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Resultado preliminar do Enem 2013 por escola será divulgado em novembro

Divulgação de resultados consolidados está prevista para o dia 22 de dezembro

Leia também:

Manual do Candidato do Enem: o que fazer na inscrição, na prova e na matrícula Teste vocacional: descubra as carreiras que têm mais a ver com você Temas de atualidades que podem cair no Enem e vestibulares 2014/15 20 questões para escolher uma carreira no Enem e nos demais vestibulares Cinco temas para treinar a redação do Enem 2014 Raio-x do Enem: os conteúdos mais cobrados desde 2009 Seis formas de usar a nota do Enem TRI: como é calculada a nota do Enem

A divulgação do resultado preliminar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2013 por escola estará disponível a partir de 27 de novembro na página do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A autarquia do Ministério da Educação (MEC) divulga a nota média obtida pelas escolas brasileiras com base na pontuação obtida pelos alunos que participaram do teste. O resultado, contudo, é divulgado apenas um ano após a realização do exame.

As escolas que não concordarem com as notas terão até dez dias para entrar com recurso no Inep, que vai analisar e responder os pedidos no prazo de 15 dias. O resultado final será divulgado no dia 22 de dezembro. O material permite a criação dos chamados rankings por escolas.

Confira: Ranking das escolas brasileiras no Enem 2012

Os dados consideram escolas públicas e privadas que tiveram, no mínimo, dez alunos matriculados no último ano do ensino médio em 2013. Além disso, é preciso que ao menos 50% dos alunos dessa série tenham participado do Enem e realizado toda a prova, incluindo o teste de redação. Os resultados consideram apenas os alunos que obtiveram nota superior a zero no exame. O número total de alunos leva em conta as informações do Censo Escolar 2013.

Os resultados incluem as proficiências de todos os alunos participantes, divididas por área do conhecimento, além da porcentagem de estudantes em cada faixa de proficiência. Este ano, o Inep vai divulgar ainda indicadores contextuais a serem considerados na análise do resultado.

(Com Agência Brasil)