Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Presidente do Inep deixa cargo. Reitora da UniRio assume

Por Da Redação 18 jan 2011, 09h07

Joaquim José Soares Neto não é mais o presidente do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais (Inep), do Ministério da Educação. A demissão dele foi publicada nesta terça-feira no Diário Oficial da União. Em seu lugar assume a reitora da Universidade Federal do estado do Rio de Janeiro (UniRio), Malvina Tânia Tuttmann. A confirmação da exoneração de Soares Neto ocorre um dia após a nova falha envolvendo o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A assessoria do MEC, porém, afirma que foi ele próprio quem pediu demissão e que a saída de Soares não tem relação com os problemas no sistema de divulgação de notas do Enem

Na segunda-feira, candidatos que acessavam o site do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) – que unifica a oferta de vagas em instituições públicas de ensino superior – eram direcionados aos cadastros de outras pessoas, acessando dados como nota e opção de curso de seus concorrentes.

As recorrentes reclamações de lentidão na página do Sisu na internet já fizeram com que o MEC reduzisse o tempo de inscrição para 20 minutos. A medida pretendia evitar congestionamentos e problemas para a efetivação da inscrição. Desde a abertura do portal, no domingo, os candidatos já reclamavam de lentidão. Ainda na segunda-feira, o MEC informou que estenderá o prazo para as inscrições no Sisu para as 23h59 da quinta-feira.

A saída de Soares Neto vinha sendo cogitada desde o ano passado, quando os estudantes que prestaram o Enem foram surpreendidos com erros de impressão nos cadernos de prova. Em 2010, os dados pessoais de 12 milhões de alunos que se submeteram às edições do Enem entre 2007 e 2009 vazaram. Também houve problemas na escolha da gráfica.

Continua após a publicidade
Publicidade