Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Falta de segurança em favela deixa 2.000 sem aulas

Tiroteios são constantes no Complexo da Maré, onde 3 escolas estão fechadas

Por Da Redação 30 out 2013, 16h24

Mais de 2.000 alunos de três escolas no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio de Janeiro, estão sem aulas nesta quarta-feira, embora a greve dos professores na rede municipal tenha sido encerrada na última sexta. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, as aulas foram suspensas “por conta de violência no entorno”. O 22º Batalhão de Polícia Militar (BPM), responsável pela segurança do local, informou que não houve operações na favela nesta quarta. A pacificação da área estava prevista para este ano, mas foi adiada para 2014.

Além dos estudantes da rede municipal, mais de 400 crianças e adolescentes da ONG Uerê, que atende alunos com dificuldades de aprendizado, também ficaram sem aulas. De acordo com a coordenadora da instituição, Yvonne Bezerra de Mello, houve um tiroteio por volta das 7h, horário de entrada dos alunos nas escolas, e as aulas foram suspensas. Na semana passada, os estudantes ficaram três dias sem aula. “Estamos vivendo nessa situação de violência insuportável desde o início do ano”, conta ela.

Em nota, o 22º BPM informou que “as operações são planejadas sempre com base em informações do Serviço de Inteligência” em horários que não coincidam com turnos escolares. A última ação oficial da PM no complexo da Maré ocorreu em 25 de outubro, mas as operações não têm periodicidade estabelecida. Na única escola da rede estadual na Maré, o Ciep Professor César Pernetta, os 1.118 estudantes estão tendo aulas normalmente. De acordo com a Secretaria Estadual de Educação, o 22º BPM faz monitoramentos constantes na região.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)