Enem: o ‘show’ armado para recepcionar os atrasados

Dezenas de pessoas se reuniram do lado de fora dos portões da Uninove Barra Funda neste domingo para assistir aos candidatos atrasados para a prova do Enem

Por Lívia Martins - Atualizado em 6 nov 2016, 14h55 - Publicado em 6 nov 2016, 14h26

Faltavam poucos minutos para o fechamento dos portões da unidade da Barra Funda da Uninove, em São Paulo, quando uma multidão se formou em frente à entrada do local de prova. O motivo da aglomeração: assistir ao desespero dos candidatos atrasados, que aflitos corriam pelas calçadas para chegar a tempo. Os portões são rigorosamente trancados às 13 horas.

“A graça é ver o desespero das pessoas correndo para tentar entrar na prova” , afirmou Nathan Andrade, 19 anos, estudante de engenharia química da Escola Politécnica da USP. Ele acompanha pela primeira vez o “show dos atrasados” com outros colegas da Poli.

Já Valdir Venâncio, de 43 anos, foi à Uninove para deixar sua filha. Com a garantia de que ela havia chegado no horário,  passou a gritar exaltado na “plateia” à espera dos candidatos atrasados. “Não existe desculpa. As pessoas têm que ter responsabilidade com os estudos. Quando é um show internacional, por exemplo, os jovens acampam até meses antes nas portas dos estádios”, afirmou.

Para Leonardo Soares, de 25 anos, o show dos atrasados após o fechamento dos portões foi regado a cerveja ao lado de um amigo. “Como não tinha muita coisa pra fazer neste domingo, sugeri a ele para virmos ver os atrasados e rir um pouco”, contou. Soares ainda postou uma foto com o colega, o cooler de cerveja gelada em uma rede social e adicionou a hashtag #atrasados.

Publicidade

As redes sociais brasileiras ficaram repletas de fotos, memes e piadas neste final de semana. Os memes fizeram tanto sucessos nos anos anteriores que o momento de correria antes do fechamento dos portões das escolas foi apelidado como “show dos atrasados”.

Os portões das escolas onde estão sendo realizadas as provas do Enem fecham pontualmente às 13 horas e não são tolerados atrasos pela organização. Neste domingo, a prova será composta por 90 questões de múltipla escolha de linguagens e matemática e a redação – etapa mais temida do teste, e terá duração de cinco horas e meia.

No fim do dia, o site de VEJA  exibirá o gabarito extraoficial da prova, com as questões do exame resolvidas pelos professores do Anglo Vestibulares. O gabarito oficial da prova será divulgado até a quarta-feira (28).

Publicidade