Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após atraso, alunos tentam invadir local da prova

Em uma universidade de São Paulo, houve um tumulto com estudantes que tentaram forçar a entrada no local; uma candidata passou mal e precisou ser socorrida por uma ambulância

Todo o ano a história é a mesma: estudantes deixam de fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) por chegarem alguns minutos depois do fechamento das portas, marcado para as 13 horas em todo o país. Neste ano, não foi diferente e a cena clássica do drama dos atrasados se repetiu.

Na Uninove Barra Funda, na zona Oeste de São Paulo, houve um princípio de tumulto e até uma estudante passou mal em frente ao local da prova. Evelyn era uma das seis estudantes que tentaram empurrar e passar entre as grades do portão. Ela desmaiou em frente à universidade e precisou ser socorrida de ambulância. Outros candidatos conseguiram atravessar os obstáculos, mas foram impedidos de chegar às salas de aula por seguranças. Houve empurra-empura e a Polícia Militar precisou intervir para conter os mais exaltados.

A candidata Rebeca Rodrigues Fernandes, 18 anos, era uma das atrasadas que precisou ser retirada da frente da escola pelos policiais. Vindo da Lapa, bairro próximo ao local, ela disse que perdeu o horário por causa do trânsito e porque o motorista do ônibus “não parou no ponto certo”. “Eu não sei o que vou fazer. Estou aérea, sem acreditar. Você estuda o ano todo para chegar aqui e encontrar essa palhaçada”, disse. O objetivo de Rebeca era conseguir bolsa para faculdades privadas. Inconformoda, ela reclamou do horário de fechamento das portas. “Eles não fecharam às 13 horas, mas às 12h59”.

Ao todo, 20 estudantes chegaram atrasados à Uninove para fazer a prova. Mas nem todos pareciam se importar muito. “Eu me atrasei, mas não estou nervoso. Já é a terceira vez que eu presto”, disse Marcos Paulos Salles, 18 anos. Ele iria usar o Enem para tentar ingressar em um curso de publicidade.

Gabaritos – O site de VEJA publicará, logo após o término das provas, um gabarito extraoficial dos testes, com as questões resolvidas por professores do Anglo Vestibulares. Os gabaritos oficiais da prova serão divulgados até a quarta-feira (28) na página do Inep reservada ao Enem. Vale lembrar que os candidatos poderão saber quantas e quais questões acertaram, mas o número de acertos não traduz o desempenho dos participantes na avaliação. Isso ocorre porque o Enem segue a Teoria da Resposta ao Item (TRI) na qual acertos e erros têm pesos relativos, sendo o desempenho final determinado pela combinação de resultados.

Leia também:

Enem 2015: 7,7 milhões de estudantes inscritos nas provas​

Faltando 2 dias para o Enem, 958 estudantes têm seus locais de prova alterados pelo Inep