Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Xangai foi o porto mais ativo do mundo em 2011, mas lucro caiu 14%

Por Da Redação 10 jan 2012, 03h22

Xangai (China), 10 jan (EFE).- O porto chinês de Xangai se consolidou em 2011, pelo segundo ano consecutivo, como o mais ativo do mundo por gestão de contêineres, mas seu operador estatal estima que seu lucro durante o ano caiu 13,7%.

Segundo publica nesta terça-feira o diário independente ‘South China Morning Post’, as autoridades portuárias de Xangai administraram em 2011 o número recorde mundial de 31,74 milhões de TEUs (unidades de medição padrão, equivalentes a contêineres de 20 pés, ou 6,25 metros), 9,2% mais que em 2010.

No entanto, as estimativas preliminares do Porto Internacional de Xangai calculam que seu lucro líquido caiu no ano passado a 4,68 bilhões de iuanes (US$ 740 milhões).

A surpreendente queda se produz apesar de sua receita ter aumentado 13,3%, segundo os mesmos cálculos preliminares, a 21,64 bilhões de iuanes (US$ 3,428 bilhões), mas o operador chinês não explicou por enquanto a que atribui essa queda do lucro.

Enquanto isso, se espera que a atividade do porto chinês, a cujo comércio internacional se soma o impulso do comércio no rio Yang Tsé, continue crescendo durante 2012. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade