Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Warren Buffett tenta assegurar sua sucessão na Berkshire

Por Ben Berkowitz

OMAHA, Nebraska, 5 Mai (Reuters) – O bilionário Warren Buffett assegurou aos acionistas da Berkshire Hathaway que a empresa estará em boas mãos após sua saída, tentando acalmar temores sobre o plano de sucessão da companhia, depois de revelar que tem câncer de próstata.

A questão sobre quem irá suceder Buffett, com 81 anos, como presidente-executivo tem sido o foco dos acionistas, e tornou-se mais um imperativo depois que Buffett revelou o diagnóstico no mês passado.

Buffett disse que a condição não ameaça sua vida e não deve ter muito efeito sobre seu trabalho.

Porém, o diagnóstico lembrou os acionistas de que Buffett, pelo seu sucesso como investidor e todos os aplausos que recebe, é mortal e será muito difícil de substituir.

Isso fez com que o futuro da Berkshire, com ou sem Buffett, fosse um dos principais focos de questionamento na reunião anual da empresa no centro de Omaha, Nebraska, neste sábado.

“Eu não acho que todo acordo que eu fiz possa ser necessariamente feito por um sucessor, mas eles também vão trazer outros talentos”, disse Buffett. Ele, no entanto, garantiu: “Não vamos ter um especialista em artes comandando a Berkshire”.