Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vendas do comércio fecham 2012 em alta de 8,4%

Contudo, segundo dados do IBGE, o volume de vendas no varejo caiu 0,5% entre novembro e dezembro de 2012 - 1º resultado negativo em seis meses

As vendas no varejo fecharam o ano de 2012 em alta de 8,4%, segundo dados divulgados nesta terça-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na série sem ajustes sazonais. Em dezembro do ano passado, as vendas subiram 5% em relação ao mesmo mês de 2011 (também sem ajuste), mas caíram 0,5% quando comparadas ao volume vendido em novembro (já com ajustes). Este é o primeiro resultado negativo após seis meses consecutivos de crescimento.

No que tange à receita, 2012 terminou com alta de 12,3%¨em relação ao ano anterior, e de 10,9% na comparação entre dezembro do ano passado e dezembro de 2011. Já na comparação entre o último mês do ano passado e novembro, houve alta de 0,2%.

Leia também:

Varejo cresce 13,8% em um ano até janeiro, diz Serasa

Quanto ao varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas subiram 1,3% em dezembro ante novembro, na série com ajuste sazonal. O resultado veio dentro do intervalo das estimativas dos analistas, que esperavam uma alta de 0,2% a 4,6%, e abaixo da mediana de 2,5%.

Na comparação com dezembro de 2011, as vendas do varejo ampliado tiveram alta de 5% em dezembro de 2012. Nessa comparação, as projeções variavam de uma expansão de 3,1% e 10,6%, com mediana de 7,25%. Em 2012, as vendas do comércio varejista ampliado acumularam uma alta de 8%. Nesse tipo de comparação, as previsões iam de alta de 7,8% a 9%, com mediana de 8,2%.

Leia ainda: Inadimplência do consumidor sobe 15% em 2012, diz Serasa

(com Estadão Conteúdo)