Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vendas de veículos em novembro foram as maiores do ano

Ante a expectativa de entrada em vigor do novo IPI dos importados, previsto para 16 de dezembro, os consumidores anteciparam as compras

No acumulado de onze meses do ano, as vendas de veículos totalizaram 3,28 milhões de unidades

Resultado de novembro pode permitir que o país termine 2011 com um número de veículos comercializados superior ao de 2010

O total de veículos novos vendidos no Brasil atingiu 321.560 unidades em novembro, com crescimento de 14,6% sobre outubro (280.567 unidades). Segundo a Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), que divulgou as estatísticas do setor nesta quarta-feira, o número representa o maior volume mensal de vendas deste ano. O índice de novembro, no entanto, foi 2,1% menor que o verificado no mesmo mês de 2010 (328.473).

Compra antecipada – O aumento das vendas foi atribuído à decisão do governo de elevar os impostos sobre os veículos fabricados com menos de 65% de componentes nacionais. Como a medida entra em vigor em 16 de dezembro, muitos consumidores correram às concessionárias para antecipar as compras.

O bom desempenho em novembro elevou o número de veículos comercializados no acumulado de onze meses deste ano para 3,28 milhões de unidades, o que implica uma expansão de 4,8% ante o mesmo período de 2010 (3,13 milhões de unidades).

Esse resultado, apesar da crise econômica internacional e da desaceleração do crescimento do PIB brasileiro, pode permitir que o país termine 2011 com um número de veículos comercializados superior ao de 2010, quando recordes de produção e vendas foram batidos.

Produção – A Anfavea informou que o número de veículos produzidos pelas fábricas brasileiras em novembro foi de 274.487 unidades, com alta de 3,4% em relação a outubro (265.571). O indicador, entretanto, representa uma queda de 9,1% ante igual mês do ano passado (301.908 unidades).

(com agência EFE)