Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Vendas de carros e comerciais leves caem 36% em janeiro

O desempenho do mês passado foi pior que o da média histórica de recuo registrada pela Anfavea

Por Da Redação 1 fev 2011, 17h20

As vendas de automóveis e comerciais leves em janeiro no Brasil despencaram 36,3% na comparação com o recorde histórico de dezembro, informou nesta terça-feira uma fonte do setor. O mês passado registrou 230.285 licenciamentos ante 361.230 unidades comercializadas em dezembro. Na comparação com janeiro de 2010, houve alta de 14%.

Janeiro normalmente registra queda nas vendas em comparação com dezembro, mas o desempenho do mês passado foi pior que o maior recuo já registrado na série histórica da associação das montadoras, a Anfavea, de 27%. As vendas de janeiro também ficaram um pouco abaixo da média mensal dos 12 meses de 2010, de 277,5 mil veículos.

A média diária de vendas nos 21 dias úteis de janeiro foi de 10 966 unidades, informou a fonte. Mas, apesar da queda, o licenciamento do mês passado foi o maior já registrado para o mês, segundo informações de outra fonte consultada pela Reuters.

O mês passado também foi marcado por uma inversão no ranking das montadoras. A Volkswagen assumiu a liderança da Fiat nas vendas de automóveis e comerciais leves.

A montadora alemã registrou vendas de 54 558 unidades, com crescimento de 39,6% na comparação anual e com o melhor desempenho para um mês de janeiro em 14 anos. Enquanto isso, a Fiat teve licenciamentos de 46 733 veículos, alta de 3,4% ante janeiro de 2010.

A General Motors manteve a terceira posição, mas registrou queda de 6,7%, para 41 168 unidades. A Ford emplacou 22 955 automóveis e comerciais leves, avanço de 2%, e a Renault apurou vendas de 11.239 unidades, com um salto de 38%.

(com Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade