Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Usiminas aprova executivo argentino para cargo de presidente

São Paulo, 17 jan (EFE).- O conselho de administração da Usiminas aprovou a indicação do executivo Julián Eguren como novo presidente da siderúrgica, após a conclusão do processo de aquisição de 27,66% de suas ações por parte do grupo Techint.

Eguren substituirá o atual presidente da empresa, Wilson Nelio Brumer, segundo um comunicado.

Segundo a nova composição de empresas controladoras de Usiminas, a argentina Techint controla 27,66% das ações ordinárias (com direito a voto) da siderúrgica por intermédio de suas subsidiárias Ternium, Siderar e Confab Industrial.

A companhia argentina investiu R$ 5 bilhões em uma operação na qual também adquiriu 13,78% do capital social de Usiminas.

O grupo de controladores de Usiminas também é formado pelas japonesas Nippon Steel, Mitshubishi e Metal One, que somam 29,44% das ações ordinárias.

O fundo dos empregados da Usiminas (CEU) possui 6,75% dos títulos ordinários e o restante está nas mãos de pequenos acionistas da bolsa de São Paulo. EFE