Clique e assine a partir de 9,90/mês

Unilever lidera investimento em anúncios no país

De acordo com informações do Monitor Evolution, serviço do Ibope Media. A empresa passou a tradicional líder Casas Bahia

Por Da Redação - 26 Jul 2013, 14h09

Líder no setor de cosméticos no país, a gigante anglo-holandesa Unilever assumiu a liderança entre os maiores anunciantes do Brasil, de acordo com informações com o Monitor Evolution, serviço do Ibope Media. A empresa, que comercializa as marcas Dove, Rexona, Omo e Hellmann�s, entre outros, passou a tradicional líder Casas Bahia no acumulado do primeiro semestre.

O investimento total da Unilever em mídia entre janeiro e junho deste ano foi de 2,24 bilhões de reais, um crescimento de 53% em relação ao mesmo período de 2012. A varejista Casas Bahia – parte da Viavarejo, pertencente ao Grupo Pão de Açúcar – teve uma pequena retração em seu investimento, que passou de 1,68 bilhão de reais para 1,59 bilhão de reais de um ano para o outro (queda de 5,4% na comparação dos primeiros trimestres).

Leia também:

Marcas pegam carona no nascimento do bebê real

Continua após a publicidade

Japonesas ‘alugam’ as próprias pernas para exibir anúncios

Diageo coloca John Travolta para estrelar nova campanha da Ypióca

Em termos de crescimento, chama a atenção a entrada no ranking do laboratório Genomma – empresa mexicana dona da marca Asepxia -, que multiplicou por seis seus investimentos em relação ao primeiro semestre do ano passado. De janeiro a junho de 2012, o Genomma havia investido 214 milhões de reais em mídia, número que passou a 1,27 bilhão de reais no mesmo período de 2013. Isso foi suficiente para a empresa chegar à terceira posição do ranking apesar nem mesmo aparecer no �top dez� em 2012.

Estatais – Entre as estatais, a Caixa reduziu os investimentos em mídia em relação ao ano passado, mas manteve-se na liderança de investimentos entre os bancos (nenhuma outra instituição financeira parece entre os dez primeiros colocados no ranking do Ibope Monitor). A empresa investiu 711 milhões de reais em mídia no primeiro semestre de 2013, queda de 10,8% sobre os 797 milhões de reais de igual período do ano passado.

Continua após a publicidade

A Petrobras, por sua vez, aumentou os investimentos em propaganda. A empresa investiu 575 milhões de reais de janeiro a junho deste ano, contra 416 milhões de reais de igual período de 2012 (uma alta de 38% de um ano para o outro). O aumento do investimento foi suficiente para a companhia passar da 13ª posição, no ano passado, para a 8ª, em 2013.

Entre as montadoras, a Volkswagen liderou, seguida pela Fiat. A empresa alemã investiu 663 milhões de reais em mídia no primeiro semestre, contra 588 milhões de reais da italiana. No ano passado, a Volks era a nona empresa que mais investia em mídia no país; agora está na sexta posição. Já a Fiat, na mesma comparação, subiu do décimo lugar para o sétimo lugar. Ainda figuram no �top dez� do investimento em mídia a Ambev (quarta lugar, mesma posição de 2012), a operadora de TV por assinatura Sky (na nona posição) e a Hypermarcas (em décimo).

(com Estadão Conteúdo)

Publicidade