Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Um homem caminha em frente à sede do Banco Central, em Brasília

Por Da Redação 30 abr 2012, 15h49

Um homem caminha em frente à sede do Banco Central, em Brasília, 22 de setembro de 2011. O mercado financeiro manteve a previsão de que a Selic permanecerá em 9 por cento ao ano na próxima reunião do Copom, em maio, com parte dos agentes ainda esperando mais sinalizações do Banco Central sobre os próximos passos e outros apostando em mais cortes da taxa básica de juros. REUTERS/Ueslei Marcelino

Publicidade