Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

UE acredita que a Grécia cumprirá compromissos

Por Georges Gobet 1 nov 2011, 10h46

Os presidentes da União Europeia (UE), Herman Van Rompuy, e da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, afirmaram nesta terça-feira que tem “total confiança” de que a Grécia cumprirá os compromissos com a Eurozona, apesar do anúncio de referendo sobre o plano de ajuda ao país.

“Estamos a par da intenção das autoridades gregas de realizar um referendo. Estamos convencidos de que este acordo é o melhor para a Grécia. Estamos totalmente confiantes no fato de que a Grécia cumprirá seus compromissos com a Eurozona e a comunidade internacional”, afirmam em um comunicado.

Os dois lembraram os esforços feitos pelos demais integrantes da união monetária e pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) para evitar a quebra da Grécia.

O plano inclui a anulação de 100 bilhões de euros de dívida do país ostentada por bancos privados, completada por garantias de 30 bilhões de euros concedidas por governos da Eurozona. Também inclui novos empréstimos à Grécia pela comunidade internacional por 100 bilhões de euros.

“Estamos trabalhando na aplicação o mais rápido possível destas decisões, que são mais necessárias que nunca”, insistiram os dois dirigentes.

Continua após a publicidade
Publicidade