Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

TV paga triplica de tamanho em cinco anos

Com 3,4 milhões de novos assinantes, mercado cresceu 27% no ano passado; Centro-oeste foi a região com a maior alta em 2012

O aumento da renda da população tem ajudado a TV paga no Brasil a se popularizar. Em cinco anos, o mercado triplicou de tamanho, de 5,3 milhões em 2007 para 16,2 milhões em 2012. Somente nos últimos três anos a expansão ficou próxima de 30%.

Em 2012, foram 3,4 milhões de novos clientes que adeririam a um serviço de TV paga, um crescimento de 27% sobre a base de 2011, segundo balanço divulgado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A participação da modalidade via satélite continua liderando a TV paga no País e chegou a 60,8% dos clientes ao fim de 2012. Já o serviço via cabo representa 38,3% das assinaturas.

A região Centro-oeste registrou a maior expansão no ano, com 38,6%, seguida pelo Norte e pelo Nordeste com 37,2% e 34,9%, respectivamente.

Segundo estimativas da Anatel, a TV paga chegou a 27,2% dos domicílios brasileiros ao fim do ano passado. Em dezembro de 2011, a chamada densidade do serviço era de 21,19%. A região Sudeste lidera o indicador, com 38,6% de atendimento.

O Grupo NET/Embratel detinha mais da metade do mercado brasileiro ao fim de dezembro, com 8,5 milhões de clientes. Em segundo lugar, a SKY/Directv registrava 5 milhões de usuários, seguida por Oi (748,7 mil), Telefônica (594,9 mil) e GVT (425,6 mil).

Leia também:

Anatel pressiona empresas de TV paga por melhora de serviço

Anatel aprova novo regulamento do setor de TV paga

(Com Estadão Conteúdo)