Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Temer diz que vai à OMC contra taxa do aço se não houver acordo

O presidente também disse que o Bolsa Família deve ser reajustado em breve

O presidente Michel Temer afirmou nesta quarta-feira que a tarifa sobre aço e alumínio imposta pelos Estados Unidos preocupa muito o Brasil. O presidente Donald Trump anunciou uma cobrança adicional de 25% para o aço importado e de 10% para o alumínio.

Temer reconheceu que se não houver uma solução amigável, o Brasil vai formular uma representação na Organização Mundial do Comércio (OMC), em conjunto com outros países.

Ele disse ainda que é importante para o país solucionar em brevíssimo tempo a questão, e que vai telefonar para o presidente norte-americano, Donald Trump.

Temer participa do Fórum Econômico Mundial para a América Latina, realizado em São Paulo. O presidente afirmou ainda que há muito otimismo com o Brasil no momento, e que o país “voltou para ficar” após sair da recessão.

Bolsa Família

O presidente afirmou também que o benefício pago por meio do programa Bolsa Família deverá ser muito proximamente reajustado.

Relatório divulgado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) no fim de fevereiro diz que o Brasil gasta somente 0,5% do PIB com o Bolsa Família. A OCDE diz que o programa Bolsa Família é a “única transferência em que o gasto incremental realmente chegaria aos pobres”.

“Também é um instrumento fundamental para proteger os mais vulneráveis, inclusive mulheres, afrodescendentes e pessoas de origem indígena, muitos dos quais ainda sofrem discriminação”, afirma o documento.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Temer é um Velho sem moral,TRHUMP vai cagar na cabeça dele,temos organizações criminosas na política e não um governo de verdade instalado.

    Curtir