Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

TAM prevê mudanças em 40% de voos no período da Copa

Empresa aérea encaminha à Anac proposta de nova malha aérea para ser executada durante os jogos; decisão da agência deve sair em janeiro

Por Da Redação 23 dez 2013, 15h12

A TAM Linhas Aéreas encaminhou à ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), na última sexta-feira, uma proposta de redesenho de sua malha aérea para suprir a demanda de passageiros na Copa do Mundo de 2014. Devido à grande quantidade de deslocamentos no interior do país no período dos jogos, a companhia prevê mudanças logísticas, como a alteração de até 40% de seus voos no período do torneio.

Assim como a TAM, as demais companhias aéreas tiveram até o dia 20 para apresentar à agência os pedidos de voos regulares para o período da Copa. A expectativa é que uma resposta seja dada pela Anac até 15 de janeiro.

A elaboração de uma malha específica para a Copa foi um pedido das companhias aéreas à Anac. Pela regra do setor, as empresas que cancelam muitos voos e não atingem os índices de regularidade previstos pela Anac são penalizadas com a perda da concessão para voar em determinado horário e aeroporto.

Leia ainda:

Iata eleva previsão de lucro global das aéreas

Malha aérea da Copa será divulgada até 15 de janeiro

Com a malha específica para a Copa, as empresas poderão ajustar os voos considerando demandas sazonais, sem ser penalizadas ou ser obrigadas a fazer voos sem demanda neste período só para cumprir a regra da Anac.

Continua após a publicidade

A Anac vai coordenar a distribuição dos slots (horários de pouso ou decolagem) em 25 aeroportos nesse período, doze deles localizados nas cidades-sede dos jogos e outros treze localizados até 200 quilômetros de distância dessas cidades.

A TAM prevê, por exemplo, duplicar sua oferta de voos para Cuiabá (MT), enquanto os voos diários para Fortaleza devem subir de 18 para 24.

Leia também:

Governo admite que ano foi difícil para companhias aéreas

Brasil deve ser 3º maior mercado aéreo doméstico, aponta Iata

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês