Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Superávit comercial é principal razão para aumento da inflação na China

O vice-presidente do Banco Central chinês, Yi Gang, afirma que, junto com aumento dos juros, reduzirá os resultados da balança comercial

Por Da Redação 11 jan 2011, 12h17

O excessivo superávit comercial da China é o componente principal do aumento da inflação e das pressões de alta sobre o yuan, disse Yi Gang, vice-presidente do Banco do Povo da China (PBOC), em artigo publicado na China Forex Magazine.

Segundo Gang, a China deve buscar o ajuste da sua economia. Para isso, além das medidas já tomadas de elevação de taxa de juros e dos depósitos compulsórios dos bancos, o governo chinês também irá atuar na redução dos superávits comercial e em conta corrente. De acordo com Gang, o banco central chinês opera no seu limite.

O executivo alega que o aumento das taxas de juros consegue aliviar, de certa forma, a pressão inflacionária. No entanto, acaba tornando o país mais atrativo para especuladores – algo visto como negativo pelo governo.

Publicidade