Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Sócios vão investir 40% de recursos na BioNovis

Por André Magnabosco

São Paulo (AE) – O presidente da BioNovis, Odnir Finotti, afirmou há pouco que o investimento inicial de R$ 500 milhões a ser realizado pela nova companhia em um período de cinco anos deverá contar com aproximadamente 40% de recursos dos sócios (Aché, EMS, Hypermarcas e União Química).

Cada empresa terá participação equivalente a 25% no controle da empresa. Os 60% restantes deverão ser obtidos no mercado, sinalizou o executivo em coletiva de imprensa realizada neste momento em São Paulo. “Vamos buscar financiamento, no momento que for necessário, nas fontes que tiverem recursos disponíveis”, afirmou.

O aporte inicial de R$ 500 milhões será utilizado para construção de uma fábrica da companhia, além da instalação de um laboratório de pesquisa. “Essa empresa nasce para fazer pesquisa no Brasil, seriamente. Iremos buscar conhecimento e profissionais que também acreditam em nosso modelo e queiram trabalhar em parceria com a gente”, disse Finotti. “Este talvez seja o projeto mais importante que o Brasil já tenha feito na área farmacêutica. As projeções indicam que há potencial para ser a maior empresa farmacêutica do Brasil, com atuação global, nos próximos 20 anos”, complementou.

Finotti afirmou que a companhia não tem planos de abrir capital ou pedir licença para emissão de títulos de dívida. Outros detalhes sobre a companhia, entretanto, devem estar definidos em até 90 dias, incluindo o local de instalação da unidade fabril. A prioridade da BioNovis será focar no mercado de biotecnologia e para isso não descarta a contratação de profissionais de fora do Brasil. As negociações entre os parceiros duraram aproximadamente seis meses.