Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Siderúrgicas são suspensas por suposta venda ilegal

Por Da Redação
25 jul 2011, 16h25

Por Fernanda Guimarães

São Paulo – Quatro siderúrgicas foram interditadas em Minas Gerais e Bahia por suposto comércio ilegal de carvão, segundo informações do Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG). A operação Corcel Negro II ocorreu na última sexta-feira, 22, quando foram apreendidas mais de mil toneladas de ferro-gusa e 73 caminhões.

O alvo da operação foram empresas, agenciadores, transportadores e produtores de carvão que estariam funcionando sem autorização em 25 municípios baianos e mineiros. Segundo informações do MP-MG, algumas empresas do setor siderúrgico participavam desse processo ao receberem carvão de companhias com documentação fraudada.

O esquema teria como base empresas que solicitavam autorizações para a produção de carvão com uso de resíduos de serrarias, mas, segundo a acusação do MP, ao invés de produzirem o insumo, vendiam os créditos virtuais para empresas de fachada. Com isso, legalizavam o carvão extraído sem autorização.

Em comunicado, o diretor de proteção ambiental do Ibama, Luciano de Menezes Evaristo, destacou que as fabricantes de aço devem cobrar mais responsabilidade das guseiras. Procurado, o Ministério Público de Minas Gerais não informou, até o momento, os nomes das siderúrgicas interditadas.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.