Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Santander compra 50% da Super, do segmento de cartões pré-pagos

Valor da operação que marca a entrada do banco no mercado de cartões pré-pagos não foi informado. Público-alvo serão pessoas sem acesso a bancos

Por Da Redação 14 jan 2015, 11h21

O Santander Brasil informou na terça-feira que fechou a compra de 50% da Super, plataforma digital que oferece conta de pagamento eletrônica, cartão pré-pago e serviços financeiros simplificados. A operação insere o Santander no segmento de cartões pré-pagos. O valor da operação não foi informado.

Em nota, o vice-presidente executivo sênior de varejo do Santander, Conrado Engel, disse que a Super pode se tornar o primeiro contato de parte da população com serviços financeiros. “Além de contribuir para a bancarização, essa parceria complementa nossa oferta e se soma a outros movimentos importantes que fizemos no setor de meios de pagamento, como a aquisição da GetNet”, acrescenta.

Leia também:

Cade aprova aquisição do Big Frango pela JBS

Dona do Burger King está de olho em nova empresa

Club Med será vendido a grupo chinês e ao brasileiro Nelson Tanure

Super – A Super emite cartões e oferece uma espécie de conta corrente simplificada e regulamentada pelo Banco Central (BC). O cliente da empresa pode não apenas ter um cartão pré-pago, mas também pode utilizar sua conta para fazer transferências ou comprar crédito para o celular. Os serviços são realizados pela internet.

O público-alvo são pessoas sem acesso a bancos, com restrições de crédito ou que querem fazer compras online sem cartão de crédito. “Nossa operação ganha uma nova escala a partir da associação com o Santander, além de nos trazer novas possibilidades de negócios”, disse o presidente da Super, Marcio Salomão.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade