Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Saída de André Esteves da presidência do BTG é definitiva

Banqueiro havia sido substituído interinamente por Persio Arida depois de ser preso na última quarta-feira

Por Da Redação 30 nov 2015, 09h28

O banqueiro André Esteves, preso na Operação Lava Jato, renunciou definitivamente aos cargos de diretor-presidente e de presidente do conselho de administração do BTG Pactual e da BTG Pactual Participation. De acordo com comunicado ao mercado, Persio Arida, que estava no cargo interinamente, assume a presidência do conselho de administração das instituições.

Marcelo Kalim e Roberto Balls Sallouti foram eleitos para o cargo e exercício conjunto, por ambos, das funções de diretor-presidente do BTG Pactual e da Pactual Participations. John Huw Gwili Jenkins foi designado vice-presidente do conselho de administração.

“As referidas deliberações estão sujeitas a todas as aprovações regulatórias e societárias aplicáveis. As assembleias gerais extraordinárias para fins de ratificação e aprovação das deliberações acima e consequente alteração dos respectivos estatutos sociais das companhias serão devidamente convocadas, nos termos dos editais de convocação e propostas da administração a serem divulgados oportunamente”, diz o comunicado do banco.

Investigados pela Operação Lava Jato, André Esteves e o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) foram presos na última quarta-feira, acusados de atuarem para obstruir a investigação e tentar fazer o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró desistir do acordo de delação premiada.

Leia mais:

André Esteves renuncia ao conselho da BM&FBovespa

(Com Agência Brasil)

Continua após a publicidade
Publicidade