Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Queda da atividade atingiu setores e regiões, diz BC

Por Equipe AE

São Paulo (AE) – A queda da atividade no segundo semestre de 2011 foi disseminada, mas a moderação ocorreu com intensidades distintas nas regiões do País, de acordo com o Banco Central, que está divulgando seu Boletim Regional, em Fortaleza.

O documento constatou que a região Nordeste foi que registrou maior desaceleração entre o trimestre encerrado em agosto para o trimestre terminado em novembro – os períodos comparativos considerados no boletim apresentado pelo Banco Central.

Segundo o Índice de Atividade Econômica Regional (IBCR-N), a atividade do Nordeste saiu de 2,4% no trimestre encerrado em agosto para 0,3% no trimestre encerrado em novembro do ano passado. No Centro-Oeste, a atividade desacelerou de uma expansão de 2,2% para 1%, e no Sul, de 2,2% para 0,6% nas mesmas bases comparativas. No Sudeste, a atividade, que estava estável no trimestre até agosto, caiu 0,2% no trimestre até novembro.

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central- Brasil (IBC-Br) recuou 0,3% no trimestre finalizado em novembro, em relação ao encerrado em agosto, quando decrescera 0,4%, nesse tipo de análise.

Já na região Norte, a atividade saiu de uma expansão de 1,6% no trimestre até agosto para uma alta de apenas 0,7% no trimestre até novembro.