Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Procon-SP suspende venda de ingressos de show; T4F vai recorrer

RIO DE JANEIRO, 20 Abr (Reuters) – A Fundação Procon-SP determinou a suspensão das vendas para o show da cantora Madonna, em São Paulo, pela T4F a partir de segunda-feira. A companhia foi intimada nesta sexta-feira.

Em nota, o Procon informou que deu prazo até o início da tarde de quinta-feira para que a T4F deixasse de cobrar a taxa de conveniência e realizar a pré-venda, “atividade considerada discriminatória pelo órgão de defesa do consumidor do Estado”, informou.

A empresa também será autuada e poderá pagar multa entre 400 reais e 6,5 milhões de reais, com prazo de 15 dias para apresentar defesa.

“A T4F é reincidente em práticas abusivas na venda de ingressos e já foi autuada em mais de 4 milhões nos últimos dez anos. Mesmo alertada durante reunião realizada em março deste ano com o Ministério Público (MP-SP) e Procon-SP – da qual também participaram Livepass, Ingresso Fácil e Plan Produções, não modificou a conduta”, afirmou o órgão de defesa do consumidor.

Em comunicado, a T4F informou que foi intimada da decisão da tarde dessa sexta-feira.

“A T4F esclarece que se trata de uma decisão administrativa e unilateral do Procon-SP, que será impugnada pelos meios legais cabíveis”, disse em nota.

O show da cantora Madonna está previsto para ocorrer em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre em dezembro.

(Por Juliana Schincariol)