Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Procon multa Light por falta de luz após temporal no Rio

Companhia terá de pagar R$ 2,4 milhões após apagão que atingiu 18 bairros

O Procon do Rio de Janeiro decidiu multar a companhia de energia elétrica Light em 2,4 milhões de reais em razão do apagão que atingiu parte da cidade na última segunda-feira. A falta de luz, resultado da chuva e da forte ventania da madrugada, prejudicou mais de 100.000 moradores e comerciantes em 18 bairros, segundo o órgão. Em alguns locais, demoraram mais de 30 horas para ter a situação normalizada.

Em nota, a Light disse que todo o serviço já foi regularizado e que o temporal levou a uma “situação atípica”. A concessionária citou, ainda, o balanço da Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb), que aponta a queda de cerca de cem árvores em função das rajadas de vento que chegaram a 93 km/h. Com isso, estruturas do sistema elétrico foram danificadas.

A companhia informou também que 70% das ocorrências atendidas foram “severas”. “Tivemos uma grande quantidade de interrupção no fornecimento em um curto intervalo de tempo, com ocorrências graves e complexas, o que dificultou o rápido restabelecimento da energia”, declarou José Humberto Castro, diretor de distribuição da Light.