Clique e assine com 88% de desconto

Presidente da Petrobras defende preços baseados no mercado externo

Executivo afirma que é essencial que política de preços reflita variações do petróleo no mercado internacional

Por Redação - Atualizado em 6 jun 2018, 22h44 - Publicado em 6 jun 2018, 20h47

O novo presidente da Petrobras, Ivan Monteiro, enviou um comunicado interno a todos os funcionários da estatal nesta quarta-feira. Ex-diretor financeiro da petrolífera, Monteiro foi escolhido para o cargo na sexta-feira após o pedido de demissão de Pedro Parente.

Na carta, ele se apresenta como engenheiro, casado, pai de três filhos e afirma gostar de jogar vôlei. “Comecei minha carreira como funcionário público concursado do Banco do Brasil e meu primeiro posto foi na agência de Santa Rita do Sapucaí, em Minas.” Ele afirma que foi lá que aprendeu uma das principais lições da sua vida: “A razão de existir de qualquer empresa são as pessoas que usam seus produtos e serviços e aquelas que constroem e fazem esses produtos e serviços virarem realidade’.

Monteiro toca em um ponto delicado do atual momento da Petrobras: a política de reajuste de preços dos combustíveis. Ele defende que os reajustes sigam se baseando no mercado internacional, sistema implantado na gestão Parente.

“A capacidade de estabelecer nossos preços como um reflexo das variações do preço do petróleo, sem perdas para a companhia, e competir de igual para igual neste mercado, são condições essenciais para que a Petrobras seja capaz de cumprir seu papel de empresa que gera riqueza e desenvolvimento”, escreveu.

Publicidade

O presidente da Petrobras afirma ainda que seu compromisso é defender os princípios que considera essenciais para esse equilíbrio e para que a Petrobras consolida a recuperação que já começou.

Veja abaixo a íntegra da carta:

Mensagem do novo presidente da Petrobras, Ivan Monteiro
Mensagem do novo presidente da Petrobras, Ivan Monteiro //Divulgação
Publicidade