Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Preços de material escolar variam até 258% em SP

O apontador de lápis é o que sofre a maior variação de preço: pode custar entre 0,53 e 1,90 real

Os itens de material escolar podem ser encontrados com diferença de preços de até 258,49% na cidade de São Paulo, de acordo com dados da Fundação Procon-SP divulgados nesta segunda-feira. É o caso do apontador de lápis com depósito para lascas, que custa 1,90 real em uma loja do centro da cidade e 0,53 na zona leste.

Também apresentaram grande variação os preços de caderno universitário de capa dura (127,76%), tesoura sem ponta (100%), cola bastão de 8 gramas (102,38%), lápis preto n.º 2 (150%), caneta esferográfica de ponta fina (116,67%) e borracha látex (160,87%). Na comparação entre o menor e o maior preço encontrados nos 143 produtos pesquisados, 39 itens tiveram diferença abaixo de 50%; 84, entre 50% e 100%; e 20 apresentaram variação acima de 100%.

“Os preços dos produtos podem ter variações consideráveis de um estabelecimento para outro, inclusive por ocasião de descontos especiais e promoções. Por isso, o consumidor deve fazer uma pesquisa em vários estabelecimentos, negociar descontos e prazos para pagamento”, disse a fundação.

Em coleta realizada em janeiro do ano passado, o item que apresentou a maior variação de preços foi o lápis preto n.º 2, com diferença de até 163,16% entre os estabelecimentos pesquisados.

Zona Leste tem os menores preços – A pesquisa, realizada em dois estabelecimentos comerciais de cada região da capital, constatou que a zona leste tem o maior número de itens com preços menores ou iguais ao preço médio desses produtos. As duas lojas da zona leste apresentaram 85% e 93% de parcela de produtos com preços iguais ou abaixo da média.

Na zona norte, os resultados foram de 74% e 88%; na sul, de 31% e 55%; e no centro, de 26% e 70%. A zona oeste teve os piores índices, de 7% e 9% de produtos com preços iguais ou abaixo da média para os produtos.

(Com Agência Estado)