Clique e assine com até 92% de desconto

Philips vai demitir 4.500 funcionários até 2014

Empresa incluiu as demissões em um plano de economia de 800 milhões de euros; um terço dos cortes será realizado na Holanda

Por Da Redação 17 out 2011, 08h21

A gigante holandesa da eletrônica Philips anunciou nesta segunda-feira que suprimirá 4.500 postos de trabalho até 2014, sendo 1.400 na Holanda, como parte de um plano de economia de 800 milhões de euros. “O programa de cortes representará a perda de 4.500 empregos, o que é lamentável, mas uma etapa inevitável para melhorar nosso modelo operacional e torná-lo mais ágil, leve e competitivo”, declarou o diretor executivo do grupo, Frans van Houten.

A redução do número de funcionários responderá por 60% da economia, enquanto os outros 40% estão vinculados aos demais custos estruturais, destacou a empresa. A Philips anunciou nesta segunda-feira um lucro líquido de 76 milhões de euros no terceiro trimestre. O grupo holandês tem 120.000 funcionários em todo o mundo, 14.000 deles na Holanda. Recentemente o grupo anunciou que abandonaria a produção de TVs por conta da competição com a Ásia.

(com Agence France-Presse)

Publicidade