Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Petróleo termina em queda, aos US$ 100,49 dólares o barril em NY

Os preços dos contratos futuros de petróleo terminaram em queda nesta quarta-feira em Nova York, mas conseguiram manter-se acima do patamar dos 100 dólares o barril.

Uma surpreendente alta das reservas de petróleo e as preocupações em relação à Europa influenciaram a cotação da commodity.

Com isso, o barril de “light sweet crude” (WTI) para entrega em janeiro perdeu 79 centavos, fechando aos 100,49 dólares no New York Mercantile Exchange.

As reservas de petróleo aumentaram fortemente na semana passada nos Estados Unidos, em um resultado surpreendente para os analistas, segundo cifras publicadas nesta quarta-feira pelo Departamento americano de Energia (DoE).

As reservas foram ampliadas em 1,3 milhão de barris na semana terminada em 2 de dezembro, chegando a 336,1 milhões de barris (mdb). Os analistas interrogados pela agência Dow Jones Newswires esperavam queda de 900.000 barris.

A existência de produtos destilados aumentaram em 2,5 mdb, para 141 mdb, contra 1 mdb esperados pelos analistas.

O volume de reservas tem sido acompanhado de perto devido à chegada do inverno, quando há um aumento do consumo de combustível para aquecimento.

Os estoques de gasolina, por sua vez, subiram 5,1 mdb, para 215 mdb. Analistas esperavam por uma alta de 600.000 barris.