Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Petróleo nos EUA fica abaixo de US$ 30 pela primeira vez em 12 anos

Preço do óleo Texas desceu à casa dos US$ 29, mas fechou a US$ 30,41, e o Brent, referência internacional caiu 2,18%; desvalorização puxa queda das bolsas

O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta terça-feira em baixa de 3,18%, cotado a 30,41 dólares, em uma sessão na qual chegou a cotar abaixo de 30 dólares pela primeira vez em mais de doze anos. Ao final da sessão, os contratos futuros do WTI para entrega em fevereiro ficaram 1 dólar mais baratos em relação ao fechamento desta segunda.

Na reta final da sessão, o petróleo de referência nos Estados Unidos chegou a situar-se de maneira momentânea em um mínimo de US$ 29,97, em níveis que não se viam desde dezembro de 2003.

O barril de petróleo Brent, por sua vez, referência internacional, para entrega em fevereiro fechou nesta terça-feira no mercado de futuros de Londres em baixa de 2,18%, cotado a 30,86 dólares. O petróleo do Mar do Norte terminou a sessão no International Exchange Futures (ICE) 69 centavos de dólar abaixo do valor final da véspera, que foi de 31,55 dólares.

O Brent caiu abaixo dos 31 dólares pela primeira vez desde o início de 2004, em um dia no qual chegou a se aproximar dos 32 dólares, encorajado pela estabilização nas bolsas chinesas, mas no qual acabou voltando a perder terreno. O temor de que a fraqueza da economia chinesa afete a demanda global de petróleo se somou desde o início do ano ao cenário de excesso de oferta que afoga os mercados desde meados de 2014.

A desvalorização do petróleo puxou mais uma vez a queda das bolsas no mundo. Na Bovespa, o índice Ibovespa recuou 1,27%, a 39.441 pontos, seu menor nível desde 16 de março de 2009.

(Da redação)

Leia mais:

Empresas já perderam US$ 1 trilhão em valor de mercado nos EUA em 2016