Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Petróleo cai diante de dados fracos sobre setor privado

Por Da Redação 5 set 2011, 20h11

Por Gustavo Nicoletta

São Paulo – O preço do petróleo caiu nesta segunda-feira, pressionado por dados fracos sobre a economia europeia, que renovaram a preocupação dos investidores com a possibilidade de mais um período de recessão nos países desenvolvidos.

Entre os dados publicados hoje, a Markit divulgou que seu índice final sobre a atividade do setor privado da zona do euro caiu de 51,1 em julho para 50,7 em agosto. A leitura preliminar havia sido de 51,1. “O índice aponta para o menor ritmo de crescimento econômico em dois anos”, afirmou Chris Williamson, economista-chefe da Markit, num relatório.

Além do dado fraco, também pesou sobre os preços do petróleo a perspectiva de normalização das operações das petrolíferas no Golfo do México. Essas empresas haviam retirado funcionários da região por causa da passagem da tempestade tropical Lee, mas recentemente divulgaram o retorno dos empregados às plataformas.

Na plataforma ICE, o contrato do petróleo tipo Brent para outubro fechou em baixa de US$ 2,25, ou 2,00%, a US$ 110,08 por barril. Na New York Mercantile Exchange (Nymex), não houve pregão regular por causa do feriado do Dia do Trabalho nos EUA e por isso não houve preço de fechamento. No pregão eletrônico da Nymex, porém, o contrato do petróleo para outubro recuava US$ 2,98, ou 3,45%, para US$ 83,47 por barril por volta das 19h45 (de Brasília). Com informações da Dow Jones.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)