Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Petrobras encontra novos indícios de petróleo na Amazônia

Estatal identificou vestígios de óleo e gás em dois poços na Bacia do Solimões

A Petrobras encontrou indícios de presença de óleo e gás natural em dois poços terrestres na Bacia do Solimões, no Amazonas, conforme registro no site da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Foram encontrados indícios de gás no poço 1BRSA984AM do campo SOL-T-171, de acordo com notificação registrada no último dia 22. Em 21 de dezembro, foram notificados à ANP indícios de petróleo no poço 1BRSA985AM do campo SOL-T-193.

As descobertas ainda não foram declaradas comercialmente viáveis. Os contratos de concessão estabelecem os prazos e programas de trabalho para as atividades de exploração e produção. De acordo com estes contratos, o concessionário tem por obrigação comunicar à ANP qualquer descoberta de hidrocarboneto ou outros recursos minerais dentro da área de concessão em até 72 horas após a ocorrência, de acordo com informações do site.

Presença na Amazônia – Não é a primeira vez que a estatal petrolífera encontra petróleo e/ou gás natural na região amazônica. A companhia, aliás, já explora com sucesso na cidade de Coari (AM), na mesma bacia do Rio Solimões, o campo de Uurucu. A produção nesta região é de mais de 2 bilhões de litros de óleo ao ano. Graças à atividade, Coari é o maior recebedor de royalties de campos terrestres do Brasil. As primeiras descobertas de petróleo na região da Amazônia ocorreram ainda na década de 1950. A bacia do Solimões é a terceira bacia sedimentar em produção de óleo no país, com uma reserva estimada de 132 milhões de barris de petróleo.

(com Agência Estado)