Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Petrobras e OGX ajudam Bovespa a subir 1,37%

Por Claudia Violante

São Paulo – A Bovespa voltou a fechar em alta nesta segunda-feira, incentivada pelo exercício de opções sobre ações terminado no início da tarde. Mas também não foi hoje que o mercado acionário doméstico recuperou os 60 mil pontos. Mesmo o ritmo tendo diminuído no período vespertino, por causa da ausência de Wall Street, as minguadas operações não tiveram fôlego para empurrar o índice de volta a esse “mítico” patamar. Petrobras e OGX se destacaram entre os ganhos neste início de semana. .

O Ibovespa terminou o dia com ganho de 1,37%, aos 59.956,46 pontos. Na mínima do dia, registrou 59.146 pontos (estável) e, na máxima, 59.982 pontos (+1,41%). No mês e no ano, a Bolsa acumula elevação de 5,64%. “Abriu com força, teve o exercício e pronto. O pregão parou”, resumiu um operador ao contar a dinâmica do mercado de ações nesse dia sem Nova York. Os mercados norte-americanos não abriram em razão do feriado em homenagem ao dia de Martin Luther King Jr.

Esse movimento também ocorreu porque a referência da Bovespa na sessão foi a Europa, que fecha no começo da tarde. Vale destacar que as bolsas do velho continente subiram na maioria, praticamente ignorando o rebaixamento anunciado pela S&P nos ratings de vários países na sexta-feira, entre eles o da França. Ajudou as bolsas da região a fecharem em alta o leilão bem-sucedido de bônus pelo governo francês, pós rebaixamento.

No Brasil, as ações de empresas do setor petrolífero estiveram entre os destaques de alta. OGX ON liderou o desempenho no Ibovespa, ao subir 5,79%. A empresa comunicou a presença de hidrocarbonetos no poço 1-OGX-63-SPS, no bloco BM-S-57, em águas rasas da Bacia de Santos. A companhia detém 100% de participação no bloco. Petrobras ON avançou 2,36% e a PN, 2,60%. Segundo um operador, muitos investidores podem ter trocado papéis pelos da estatal, que segue defasada. Vale ON subiu 0,64% e a PNA, 0,90%.