Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Petrobras cai para 5ª posição em ranking de empresas mais valiosas

Segundo dados da Economatica, valor de mercado da petroleira terminou em R$ 106,6 bi nesta terça-feira, atrás de Ambev, Itaú Unibanco, Bradesco e Vale

A Petrobras caiu para a quinta posição no ranking que classifica as maiores empresas da BMF&Bovespa, segundo cálculos feitos pela consultoria Economatica. Nesta terça-feira, o valor de mercado da estatal fechou em 106,6 bilhões de reais, atrás de Ambev (252,89 bilhões de reais), Itaú Unibanco (179,21 bilhões de reais), Bradesco (107,40 bilhões de reais) e Vale (107,40 bilhões de reais). Até o dia 15 de outubro, a petroleira era a empresa mais valiosa da bolsa brasileira e desde 1996 ela não ocupava uma posição tão modesta na lista.

Na América Latina, a Petrobras ocupa a sétima posição na relação de maiores empresas por valor de mercado. No dia 15 de outubro, ela também era líder do ranking.

Durante o pregão desta terça-feira, a estatal chegou a perder 4,37 bilhões de reais em pouco mais de meia hora (das 16h10 até as 16h46), após rumores sobre uma possível diminuição de preços de combustíveis por parte da estatal. As ações da companhia também foram penalizadas por uma multa de 18,7 milhões de reais aplicada pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP) por irregularidades em duas plataformas.

Leia mais:

Em meia hora, Petrobras perde mais de R$ 4 bi em valor de mercado

Em 4 anos, apenas 7 ações da Bovespa têm ganho

Na direção contrária, nesta quarta-feira os papeis da estatal sobem mais de 3%, impulsionados pela divulgação, na terça-feira, de que a Petrobras concluiu a negociação com credores que demandavam demonstração contábil do terceiro trimestre de 2014 revisado pelo auditor externo até final de janeiro de 2015. Por volta das 13h, as ações ordinárias (ON, com direito a voto) subiam 3,23%, e as preferenciais (PN, sem direito a voto) avançavam 3,12%.

(Com Estadão Conteúdo)