Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Otimismo com a Previdência faz bolsa atingir novo patamar histórico

Ibovespa sobe 0,4% e fecha no nível recorde de 104.089 pontos, com a expectativa de aprovação das novas regras da aposentadoria no plenário da Câmara

O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, encerrou esta sexta-feira, 5, com alta de 0,44%, o suficiente para garantir nova máxima histórica, de 104.089 pontos, influenciado pela expectativa de aprovação da reforma da Previdência no plenário da Câmara dos Deputados na próxima semana. Já o dólar registrou alta de 0,5%, fechando a 3,82 reais na cotação para a venda, em meio à divulgação de indicadores econômicos positivos dos Estados Unidos, que frearam apostas de cortes de taxas de juros pelo Federal Reserve (o Fed, banco central americano).

O otimismo com a aprovação do parecer do relator Samuel Moreira (PSDB-SP) na comissão especial da Câmara dos Deputados continuou nesta sexta-feira. A expectativa dos investidores, agora, fica pela votação no plenário da Casa, que pode ocorrer na próxima semana. O objetivo do governo é votar até o dia 18 de julho, quando começa o recesso parlamentar, prazo que o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse acreditar que vá ser cumprido.

No cenário externo, os Estados Unidos anunciaram a criação de 224 mil empregos em junho, segundo dados com ajustes sazonais publicados pelo Departamento do Trabalho. O resultado veio bem acima do esperado. Já a taxa de desemprego aumentou de 3,6%, em maio, para 3,7%, em junho, contrariando previsão de manutenção da taxa. Com os números positivos, os investidores diminuíram a expectativa por cortes na taxa de juros pelo Fed, o que acabou colaborando para a alta do dólar.

(Com Reuters)