Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Os carros mais vendidos no primeiro semestre no Brasil

A venda de veículos novos cresceu 3,7% de janeiro a junho, na comparação com 2016

O Chevrolet Onix mantém o ritmo de vendas e lidera o ranking dos carros novos mais comercializados no Brasil no primeiro semestre do ano, com 83.236 emplacamentos de janeiro a junho, de acordo com dados da Fenabrave (associação das concessionárias) divulgados nesta terça-feira.

No período, a venda de veículos novos (automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus) no país cresceu 3,7%, na comparação com o primeiro semestre de 2016.

Em junho, a alta foi de 13,5%, ante igual mês do ano passado. Em relação a maio deste ano, no entanto, houve ligeira queda, de 0,3%.

Para Alarico Assumpção Jr., presidente da Fenabrave, apesar de junho ter tido um dia útil a menos que maio, o crescimento de 4,5% na média de comercialização diária de automóveis e comerciais leves ajudou a segurar as vendas.

 “O mês de junho mostrou-se bastante agitado politicamente, gerando, inclusive, uma pequena queda nos índices de confiança de curto prazo. Porém, isso não afetou a tendência de melhora”, afirmou Assumpção Jr. em coletiva.

Para 2017, a Fenabrave projeta uma queda de 1,6%, somando todos veículos —o cálculo inclui o segmento de motocicletas, que tem puxado o setor para baixo com sucessivas quedas e, sozinho, deve apresentar uma retração de 13,5%.

Considerando apenas automóveis e comerciais leves, porém, a expectativa é de alta de 4,3%.

Os automóveis mais vendidos no primeiro semestre:

1º Chevrolet Onix – 83.236 emplacamentos

2º Hyundai HB20 – 51.149 emplacamentos

3º Ford Ka – 44.650 emplacamentos

4º Renault Sandero – 38.867 emplacamentos

Volkswagen Gol – 36.209 emplacamentos

6º Chevrolet Prisma – 31.202 emplacamentos

7º Toyota Corolla – 29.188 emplacamentos

8º Fiat Mobi – 25.618 emplacamentos

9º Honda HR-V – 23.218 emplacamentos

10º Compass (Jeep) – 22.003 emplacamentos

Segurança

Em maio, o Chevrolet Onix, carro mais vendido no Brasil, ficou com zero estrela

 

O Programa de Avaliação de Carros Novos para América Latina e o Caribe, Latin NCAP, apresentou a segunda série de resultados de 2017 com um decepcionante resultado de zero estrela para os modelos Kia Rio Sedan e Chevrolet Onix. O Chevrolet Onix é o carro de maior venda no Brasil, mostrando resultados especialmente ruins a respeito da proteção lateral. O Kia Rio, por sua parte, obteve o pior resultado em segurança para o passageiro adulto comparado com qualquer outro teste NCAP já realizado.

O Chevrolet Onix, fabricado no Brasil, obteve zero estrela na proteção do ocupante adulto e três estrelas em relação à proteção do ocupante infantil. O modelo tinha sido testado em colisão frontal em 2014, ganhando três estrelas para a proteção do adulto. Para avaliar o eventual resultado sob o novo protocolo (2016), foi feito o teste de impacto lateral do modelo. O Onix mostrou um desempenho pobre, já que o teste de impacto lateral evidenciou uma compressão alta no peito do passageiro adulto, divulgando uma alta penetração na estrutura. O Onix não contava com dispositivos de absorção de energia em sua estrutura para impacto lateral, apenas barras nas portas. Considerando esses resultados de testes, o Onix não passaria os requerimentos básicos da regulação para impacto lateral das Nações Unidas (UN95).

A proteção para o passageiro infantil no impacto foi aceitável; contudo, o modelo apenas oferece um cinto de segurança de dois pontos na posição central traseira, carecendo de ancoragens ISOFIX. A porta traseira direita se abriu no teste, expondo as crianças a maiores riscos.