Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Orçamento do FGTS de 2013 terá recorde de R$ 59,6 bi

De acordo com o presidente do Conselho Curador do Fundo, a soma total para o quadriênio 2013-2016 vai ultrapassar 240 bilhões de reais

Por Da Redação 11 dez 2012, 18h20

O Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) aprovou nesta terça-feira um orçamento de 59,66 bilhões de reais para 2013. “É o maior valor da história. A soma total para o quadriênio 2013-2016 ultrapassa 240 bilhões de reais”, afirmou nesta terça o presidente interino do conselho, Luiz Fernando Emediato.

Ele explicou que o valor previsto para o próximo ano não apenas é o maior da história para um início de orçamento, como é mais de 50% maior que o primeiro volume apresentado para este ano. Do valor previsto para 2013, 46,45 bilhões de reais serão destinados para habitação. Esse valor já inclui subsídios, que somam 6,46 bilhões de reais.

A área de infraestrutura urbana receberá 7 bilhões de reais. O valor é maior que os 4 bilhões de reais de 2012 porque há previsão de contratos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A rubrica de saneamento somará 5,2 bilhões de reais.

Leia também:

Governo muda regra de uso do FGTS em obras da Copa

Limite de imóvel financiado no Minha Casa Minha Vida sobe para R$ 190 mil

Continua após a publicidade

Governo libera uso do FGTS para material de construção

O volume aprovado nesta terça leva em conta ainda operações urbanas consorciadas no valor de 1 bilhão de reais. Um exemplo de obra que se encaixa nessa modalidade é o Porto Maravilha, no Rio de Janeiro. “Esta é uma operação de infraestrutura, mas desenvolve várias áreas, por isso, se enquadra nessa rubrica”, explicou o secretário executivo do conselho curador, Quênio França.

A previsão do conselho curador é que sejam gerados 2,7 milhões de postos de trabalho em 2013 e uma quantidade similar a essa no ano seguinte. Para 2015 e 2016, a projeção é de 2,8 milhões de empregos criados a cada ano.

A projeção aprovada nesta terça-feira pelo conselho do FGTS é de que 60,2 bilhões de reais serão destinados anualmente ao orçamento do FGTS no período de 2014 a 2016. Esses valores devem atender 559 355 famílias por ano, no período.

Na reunião do conselho realizada nesta terça também foi aprovado mais 400 milhões de reais de suplementação para o FGTS relativo a 2012. No total, serão 485 milhões de reais, mas 85 milhões de reais são provenientes do Tesouro Nacional. Esse recurso adicional terá de ser usado ainda em dezembro para contratações de financiamento até o final do ano.

O orçamento deste ano está em 53,6 bilhões de reais, mas deve chegar a 68 bilhões de reais, levando-se em conta todas as suplementações já feitas este ano.

(com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês