Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Operadora de Fukushima Daiichi prevê a perda de US$ 8,9 bilhões

Por Da Redação 13 fev 2012, 09h05

Tóquio, 13 fev (EFE).- A companhia elétrica TEPCO, operadora da central de Fukushima Daiichi, prevê a perda de US$ 8,9 bilhões para o final deste ano fiscal, valor acima do previsto inicialmente, diante do elevado pagamento de indenizações às vítimas da crise nuclear.

A nova estimativa supera em US$ 1,23 bilhão o déficit previsto em novembro, pois a revisão inclui novas reivindicações de indenização por parte dos afetados pela crise, assim como o aumento do preço do combustível para suas centrais térmicas.

Porém, para este ano fiscal, que termina em 31 de março, a TEPCO prevê que sua perda operacional seja de US$ 3,4 bilhões, quantia inferior aos US$ 3,9 bilhões previstos em novembro.

Além disso, a nova previsão para a entrada de US$ 67,9 bilhões está ligeiramente abaixo da estimada no fim de 2011.

Entre abril e dezembro, os primeiros nove meses do ano fiscal no Japão, a TEPCO perdeu US$ 8 bilhões, contrapostos a entrada de US$ 1,8 bilhão do mesmo período de 2010, antes da crise nuclear.

Continua após a publicidade

Nos nove meses seguintes ao acidente de março a companhia perdeu US$ 1,8 bilhão, frente ao lucro de US$ 4,2 bilhões do ano anterior.

Seus ingressos por vendas entre abril e dezembro decaíram 4% ao ano, chegando até os US$ 48,8 bilhões.

Um porta voz da empresa informou que neste período foram destinados cerca de US$ 3,6 bilhões a trabalhos diretamente relacionados com os reatores 1 e 4 de Fukushima Daiichi, danificados pelo tsunami de 11 de março.

A divulgação destes dados coincidiu com o anúncio da aprovação por parte do Governo de uma ajuda financeira adicional a TEPCO no valor de US$ 8,8 bilhões para o pagamento das indenizações.

Esta nova assistência aumenta para US$ 20,3 bilhões o montante desembolsado pelo Estado para respaldar a TEPCO. EFE

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês