Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Operação no setor de medicamentos é aprovada pelo Cade

Por Da Redação 8 fev 2012, 11h25

Por Célia Froufe

Brasília – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou hoje, sem restrições e por unanimidade, o ato de concentração entre Sanofi-Aventis Farmacêutica e a Chemo S.A. Lugano Branch., que estava sob a relatoria do conselheiro Carlos Ragazzo.

Em seu relatório, Ragazzo destacou que são duas operações. A primeira é um acordo em que a Chemo licencia para a Medley Comercial e Logística os direitos de uso do princípio ativo Drospirenona e libera de forma não exclusiva a comercialização do produto Drospirenona 3 mg mais Etinilestradiol 0,03 mg.

A segunda operação refere-se a um contrato de licenciamento do mesmo produto pela Chemo à Sanofi-Aventis, também de forma não exclusiva. A Medley é uma empresa nacional, na qual 99,99% de seu capital pertence à Sanofi-Aventis. A Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae) do Ministério da Fazenda recomendou a aprovação das operações sem restrições e a Secretaria de Direito Econômico (SDE) do Ministério da Justiça acompanhou a indicação da Seae. (

Continua após a publicidade
Publicidade