Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Número de assinantes de telefonia móvel cai pela primeira vez desde 2006

Segundo Anatel, queda se deve à desativação de linhas que não eram utilizadas pelos clientes

Por Da Redação 6 nov 2013, 16h37

A base de telefonia móvel no Brasil teve em setembro sua primeira queda mensal desde junho de 2006, com a desativação líquida de 173,6 mil linhas, informou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) nesta quarta-feira.

Embora não tenha informado os motivos da queda do total de assinantes, a Anatel disse que as operadoras têm promovido a limpeza de sua base, ou seja, retirando linhas não utilizadas para reduzir custos.

A redução do total de assinantes em setembro ante agosto foi de 0,06%, para 268,27 milhões de linhas. Deste total, 211,34 milhões são de acessos pré-pagos, o equivalente a 78,78% do total, e 56,93 milhões pós-pagos (21,22%). A banda larga móvel representava 88,31 milhões de acessos, dos quais 552,63 mil por terminais 4G.

Leia também:

Telefónica vende unidade tcheca para focar em Itália e Brasil

Continua após a publicidade

Cobertura 4G chegará a 72 cidades até o fim do ano, diz Vivo

Novos limites da internet banda larga já estão em vigor

A Vivo permaneceu na liderança do mercado em setembro, com 28,56% de participação. No entanto, a empresa registrou o maior volume de desativações no período: 463,3 mil.

A TIM Participações ficou em segundo lugar, com 27,17% de fatia de mercado, e 31,7 mil desativações. Já a Claro foi a única a adicionar linhas em setembro, com 321,2 mil adições e fatia de mercado de 25,14%. A Oi, por sua vez, registrou desativação de 35,5 mil linhas, mantendo sua fatia de mercado de 18,64%.

(Com Reuters)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)