Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

No aniversário do ex-presidente, nenhum sinal de ressentimentos de Levy com Lula

Alvo constante de ataques de lideranças petistas – entre os quais, segundo consta, está Luiz Inácio Lula da Silva -, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, não pareceu ter ressentimentos do ex-presidente – ao menos publicamente. Em evento realizado pela revista britânica The Economist, Levy recorreu a Lula para dar exemplos sobre como agir para acalmar mercados e, na mesma passada, estimular o crescimento. “Tem que ter a confiança que o presidente Lula teve em 2003: a de que o que ele fez era o certo. Criou as bases de dez anos de crescimento”, declarou o ministro. “Ele alterou as expectativas (…) mostrou que reconstruiria as coisas aos poucos”. Lula completou 70 anos de idade nesta terça-feira. (Eduardo Gonçalves)

Leia mais:

Não dá para começar o ano como a Grécia, diz Levy sobre orçamento de 2016

Déficit em 2015 será de R$ 51,8 bi; governo reconhecerá ‘pedaladas’