Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Negócios Summary

PIB de 2011 abre espaço para mais medidas de estímulo

RIO DE JANEIRO/BRASÍLIA, 6 Mar (Reuters) – O baixo desempenho da economia brasileira em 2011, com crescimento de 2,7 por cento, acendeu a luz amarela dentro do governo -que já acena com mais medidas para estimular a atividade, sobretudo na indústria- e no próprio setor produtivo, que ainda teme a concorrência externa. “O setor industrial ainda patina e isso decorre do aumento da importação. O PIB (Produto Interno Bruto) deve crescer em 3,5 por cento… mas o governo brasileiro tem que continuar a tomar medidas para incentivar a indústria nacional”, afirmou o diretor de economia da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), Antônio Corrêa de Lacerda, fazendo coro com outros representantes do setor produtivo.

Bovespa tem maior queda desde outubro por Grécia

SÃO PAULO, 6 Mar (Reuters) – A Bovespa encerrou esta terça-feira com a maior queda diária em cinco meses, em meio a aversão a risco gerada por renovadas preocupações com a Grécia. O Ibovespa, principal índice acionário doméstico, recuou 2,76 por cento, a 65.114 pontos. Foi a maior queda desde 3 de outubro, quando recuou 2,93 por cento. O giro financeiro do pregão foi de 7,23 bilhões de reais.

Aneel inicia trâmite que pode tirar concessão da Celpa

BRASÍLIA, 6 Mar (Reuters) – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) deu nesta terça-feira o primeiro passo de um processo que pode culminar na perda da concessão da distribuidora paraense de energia Celpa, controlada pelo problemático Grupo Rede Energia e em processo de recuperação judicial. O órgão regulador determinou que a Celpa apresente em 60 dias um relatório com propostas para correção das falhas e melhoria dos serviços prestados a mais de 1,6 milhão de clientes em todo o Estado do Pará.

Vale contestará tributos na Justiça; autos somam R$30 bi

SÃO PAULO, 6 Mar (Reuters) – A Vale informou na noite desta terça-feira que contestará na Justiça cobranças de tributos sobre lucros de controladas e coligadas no exterior, em processos que poderiam chegar a cerca de 30 bilhões de reais, de acordo com comunicado da empresa. A companhia informou que vem buscando discutir a cobrança de imposto de renda (IRPJ) e contribuição social (CSLL) efetuada pela Secretaria da Receita Federal (SRF) e que apresentará os recursos cabíveis na Justiça para evitar o pagamento.

ATUALIZA 1-CME e BM&F anunciam acordo para listagem de contratos

6 Mar (Reuters) – O CME Group e a BM&FBovespa anunciaram nesta terça-feira acordo para a listagem cruzada de índices de referência globais e de contratos de commodities e de energia, ampliando a oferta de produtos para investidores brasileiros e estrangeiros. O acordo prevê o lançamento, pela BM&FBovespa, de contratos futuros de petróleo WTI, negociados na Bolsa de Nova York (New York Mercantile Exchange – Nymex), e mini-contratos de soja da bolsa de Chicago (Chicago Board of Trade – CBOT). As duas bolsas pertencem ao CME Group.

Índices acionários nos EUA registram primeira grande perda do ano

NOVA YORK, 6 Mar (Reuters) – O índice Dow Jones caiu mais de 200 pontos nesta terça-feira, levando Wall Street ao pior dia em quase três meses, em meio a temores de um default caótico da Grécia e a preocupações de que a desaceleração da economia chinesa afete o crescimento global. O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, recuou 1,57 por cento, para 12.759 pontos. O índice Standard & Poor’s 500 teve desvalorização de 1,54 por cento, para 1.343 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq caiu 1,36 por cento, para 2.910 pontos.

ATUALIZA 1-Celpa obtém liminar contra bancos na Justiça do Pará

RIO DE JANEIRO, 6 Mar (Reuters) – A distribuidora de energia elétrica Celpa, do Grupo Rede Energia, obteve liminar que impede pagamentos relativos a contratos de mútuo mantidos com 11 instituições financeiras, informou a empresa paraense em processo de recuperação judicial, nesta terça-feira. A decisão da juíza Maria Filomena de Almeida Buarque, da 13a Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, datada de 1o de março, determina que os bancos devolvam valores retidos relativos aos contratos de mútuo, “em caráter fiduciário, com garantia de parcela de créditos operacionais futuros”.

Brasil cresce 0,3% no 4o tri e 2,7% em 2011–IBGE

RIO DE JANEIRO, 6 Mar (Reuters) – A economia brasileira cresceu 0,3 por cento no quarto trimestre de 2011 em comparação com o terceiro, levando a expansão acumulada no ano a 2,7 por cento. O desempenho indica que a atividade econômica começou a melhorar no fim do ano passado, apesar de o setor industrial continuar patinando bastante. “O que está puxando esse crescimento para baixo é claramente a indústria… ela simplesmente não consegue se beneficiar do mercado que está crescendo”, afirmou o economista-chefe do J. Safra e ex-secretário do Tesouro Nacional, Carlos Kawall.

Com ameaças do governo e temor exterior, dólar sobe 1,57%

SÃO PAULO (Reuters) – O dólar registrou nesta terça-feira a maior alta percentual diária frente ao real desde meados de dezembro. O resultado foi estimulado pela forte aversão a risco no cenário internacional e por novos alertas do governo de que poderá agir para frear quedas da moeda norte-americana. A cotação subiu 1,57 por cento, para 1,7640 real na venda. Trata-se da cotação mais alta desde meados janeiro e da maior valorização percentual desde 12 de dezembro quando o dólar saltou 2,14 por cento, a 1,8445 real.

Governo adotará medidas para ajudar a indústria-Mantega

BRASÍLIA, 6 Mar (Reuters) – Diante do resultado fraco da economia em 2011, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou que o governo prepara um pacote de medidas para estimular o setor industrial, que abrangerá novas medidas para impedir a sobrevalorização do câmbio. “O setor industrial precisa de alguns estímulos que serão dados”, afirmou Mantega. “As medidas não estão prontas, faremos ao longo do ano para estimular o investimento e o setor industrial”, afirmou o ministro ao comentar o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de 2011, divulgado nesta terça-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).