Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Motoristas de todo o país terão acesso à CNH digital em fevereiro

Para obter a CNH digital, os condutores precisam possuir a versão impressa do documento

Por Da redação Atualizado em 10 jan 2018, 14h28 - Publicado em 9 jan 2018, 16h37

A Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-e), mais conhecida como CNH digital, será implementada em todo o país a partir de 1º de fevereiro. O novo documento terá o mesmo valor da versão impressa, que continuará sendo emitida normalmente.

A versão digital poderá ser acessada por meio de um aplicativo e permite a identificação da CNH pela leitura do QR Code (registro similar a um código de barras). O aplicativo também vai disponibilizar imagens frente e verso do documento.

Para obter a CNH digital, os condutores precisam possuir a versão impressa do documento. Segundo o Ministério das Cidades, no futuro será possível conferir o número de multas, receber avisos de vencimento e informações de campanha de trânsito.

Ainda de acordo com o Ministério, a fixação de cobrança para o documento digital ficará a cargo dos Detrans estaduais, que já determinam os valores das taxas da CNH impressa. O documento já foi liberado para motoristas de Goiás, Distrito Federal, Alagoas, Rondônia, Rio Grande do Sul, Acre e Tocantins. Até o final de janeiro, o sistema também será implementado Mato Grosso do Sul e Espírito Santo.

A partir do dia 1º de fevereiro, o download do aplicativo estará liberado para os usuários do Android e iOS. Em caso de perda ou roubo do smartphone, o motorista poderá fazer o bloqueio do aplicativo pela internet.

Confira o passo-a-passo para solicitar a CNH digital (com informações cedidas pelo Ministério das Cidades):

Continua após a publicidade

-Baixe o aplicativo da CNH-e na Google Play ou na App Store.

-Faça o cadastro no Portal de Serviços do Denatran.

-Vá ao Detran de emissão da sua carteira de motorista para confirmar dados e solicitar um certificado digital. Isso é necessário para que eles tenham certeza de que o usuário é mesmo você.

-Com o acesso ao Portal de Serviços do Denatran e com os dados confirmados pelo Detran, você pode solicitar um código de ativação para o CNH-e, que será enviado por e-mail.

-Agora basta entrar no aplicativo, usar a senha de acesso do portal, e digitar o código de ativação.

-O aplicativo vai pedir para que você crie uma senha mais simples, de quatro números, como a de banco, que o usuário digita toda a vez que for acessar a carteira.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)