Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Morre duque de Westminster, um dos maiores bilionários britânicos

Gerald Grosvenor era próximo da família real e dono de algumas das áreas mais valorizadas do país, entre elas uma ao lado do Palácio de Buckingham

O bilionário britânico Gerald Cavendish Grosvenor, duque de Westminster, faleceu nesta terça-feira, aos 64 anos, segundo informado por uma porta-voz. A morte ocorreu em um hospital de Lancashire, no noroeste da Inglaterra.

“Ele foi levado (para esse hospital) da propriedade de Abbeystead, em Lancashire, onde ficou doente de repente”, disse o porta-voz citado pela agência Press Association, sem especificar a doença. “A família pede o respeito de sua vida privada e a compreensão nesse momento muito difícil”, acrescentou.

Gerald Cavendish Grosvenor e sua família estão na 68ª posição da lista de bilionários da revista Forbes, com uma fortuna estimada em 10,8 bilhões de dólares. Entre outras propriedades, Grosvenor possuía quase 77 hectares na Belgrávia, um dos bairros mais caros de Londres, ao lado do Palácio de Buckingham.

Os Grosvenor têm laços estreitos com a família Real. Um dos filhos do duque, Hugh Grosvenor, é padrinho do príncipe George, primeiro filho do príncipe William, segundo na linha sucessória ao trono, e de sua mulher, Catherine.

A rainha Elizabeth II e seu marido, o duque de Edimburgo, enviaram uma mensagem de condolências à família Grosvenor, informou uma porta-voz do Palácio de Buckingham.

(Com AFP)