Clique e assine a partir de 9,90/mês

Ministro de Luxemburgo: acordo para dívida grega está próximo

Por Da Redação - 31 jan 2012, 09h46

DUBAI, 31 Jan (Reuters) – A Grécia e os seus credores privados entendem a necessidade de evitar um colapso financeiro no país e estão próximos de um acordo para reestruturar a dívida soberana grega, afirmou nesta terça-feira o ministro das Finanças de Luxemburgo, Luc Frieden.

“Nós estamos perto de chegar a um acordo… Por que o acordo é de interesse da zona do euro, mas também dos credores privados”, afirmou Frieden à Reuters, em Dubai, durante uma visita aos países do Golfo Pérsico.

“Por que o objetivo final é evitar um colapso financeiro da Grécia, com muito mais consequências substanciais para a estabilidade da zona do euro.”

Frieden afirmou que não pediu que os países do Golfo contribuíssem no resgate para ajudar a zona do euro a resolver os seus problemas da dívida, mas ele acrescentou que os governos no Conselho de Cooperação do Golfo entendem a necessidade de terem um papel importante em reforçar o Fundo Monetário Internacional (FMI).

Continua após a publicidade

“Nós vivemos em um mundo interconectado e por meio do envolvimento do Fundo Monetário Internacional, pensamos que o FMI precisa ter um importante papel próximo aos mecanismos europeus que nós colocamos em funcionamento”, afirmou.

“Por meio do FMI e o aumentando os recursos do FMI, obviamente todos os outros países têm interesse em ver a Europa como um lugar de crescimento… Eu acredito que os países do Conselho do Golfo estão completamente conscientes de sua importância na economia mundial, por meio do FMI e das instituições de Bretton Wood.”

(Reportagem de Martina Fuchs)

Publicidade