Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Mercado reduz projeção para PIB em 2012 e 2013

Economistas ouvidos pelo BC para o relatório Focus desta semana diminuíram, porém, expectativa para a inflação, ainda que timidamente

Por Da Redação - 19 nov 2012, 08h19

O mercado financeiro está apostando em uma atividade econômica ainda menor do que a prevista anteriormente. Os economistas ouvidos pelo relatório Focus, do Banco Central (BC), rebaixaram a perspectiva para o Produto Interno Brasileiro (PIB) de crescimento de 1,54% para 1,52%. Eles também mexeram da perspectiva para 2013, que passou de 4% para 3,96%.

Para o setor que mais sofre com a crise econômica mundial, a indústria, os economistas pioraram ainda mais sua expectativa, passando-a de uma queda de 2,32% este ano para contração de 2,39%. Contudo, eles acreditam que 2013 será bem melhor, e projetam crescimento da produção industrial de 4,15% contra 4,10% esperados no relatório Focus da semana passada.

A inflação começa a ganhar menos fôlego, na visão dos economistas. A expectativa para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), caiu levemente, passando de 5,46% para 5,45%, ainda maior do que o esperado há um mês (5,44%). Para 2013 ela também diminuiu de 5,40% para 5,39%.

A Selic esperada para o fim de 2012 e 2013 continua em 7,25% para ambos os anos.

Publicidade

Leia mais:

Inflação voltará ao centro da meta dentro de um ano, diz BC

Prévia do PIB cai 0,52% em setembro, segundo BC

OCDE estima aceleração do PIB para o Brasil nos próximos meses

Publicidade