Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Mercado Pago é a primeira fintech a ter pagamento por aproximação pelo app

Em uma parceria com a Visa, fintech também lança um cartão de crédito sem anuidade para quem consumir ao menos R$ 50 por mês

Por Diego Gimenes 11 mar 2021, 17h48

O Mercado Pago, fintech do grupo Mercado Livre, vai passar a oferecer aos seus clientes pagamentos por aproximação direto pelo aplicativo da rede, sem a necessidade de utilizar o tradicional cartão de plástico. A nova modalidade faz parte da parceria que a empresa anunciou com a Visa na tarde desta quinta-feira, 11. Agora, basta aproximar o celular no leitor de uma maquininha habilitada para a função e o valor é debitado da conta Mercado Pago, sem a digitação de senha, em alguns casos.

O serviço será viabilizado pelo Visa Token Service, que substitui o número da conta do portador do cartão por um identificador digital exclusivo, usado para processar pagamentos sem expor dados sensíveis dos clientes.

A fintech também anunciou um cartão de crédito para os seus clientes. A partir de abril, a empresa vai analisar os pedidos e liberar a função aos que assim solicitarem. Quem já tiver em mãos o cartão de débito, não precisará fazer qualquer tipo de troca, apenas realizar o pedido e aguardar a análise da companhia. Todas as compras realizadas com o novo cartão terão os pontos do programa Mercado Pontos duplicados, garantindo um desconto mais vantajoso em fretes, compras, assinaturas e aplicativos de streaming. Além disso, a anuidade será gratuita para os usuários que consumirem ao menos 50 reais por mês.

  • Em fevereiro, a fintech já havia firmado um acordo com C&A e Burger King para possibilitar a utilização do Pix por seus usuários nas lojas das redes. “Estamos em linha com as demandas dos nossos clientes. Nosso objetivo é oferecer um serviço de pagamento cada vez mais fácil e acessível, transformando o Mercado Pago na fintech mais completa para os brasileiros”, ressaltou Tulio Oliveira, vice-presidente do Mercado Pago. A empresa possui mais de 60 milhões de pagantes únicos e encerrou 2020 com 10 milhões de vendedores ativos, de pequenos negócios a grandes varejistas.

    Continua após a publicidade
    Publicidade