Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mercado financeiro reduz estimativa de inflação para 2013

Analistas ouvidos pelo Banco Central apostam ainda que o Copom deve elevar a taxa básica de juros em 0,25 ponto porcentual na última reunião do ano

Analistas do mercado financeiro consultados pelo Banco Central reduziram de 5,82% para 5,81% a projeção de inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2013. É o que indica pesquisa semanal Focus divulgada nesta segunda-feira. Para o próximo ano, a previsão foi mantida em 5,95%.

O economistas ouvidos pelo BC também mantiveram a previsão da semana anterior para a taxa básica de juros do país, Selic, em 9,75% ao ano pela quinta vez consecutiva. Para o fim de 2014, a mediana das projeções está em 9,75% ao ano há seis semanas. A taxa Selic está hoje em 9,5% ao ano e foi mantida a expectativa de que suba para 9,75% ao ano na próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), nos dias 26 e 27 de novembro.

A projeção para Selic média em 2013 segue em 8,34% ao ano. Estava em 8,34% há quatro semanas. Para 2014, a taxa média segue em 9,75% há cinco semanas. Contudo, nas estimativas do grupo dos analistas consultados que mais acertam as projeções, o chamado Top 5 da pesquisa Focus, a previsão para a Selic no fim de 2013 no cenário de médio prazo segue em 10% ao ano há seis semanas. Para 2014, segue em 10,50% ao ano. Há quatro semanas estava em 10% ao ano.

O mercado aposta ainda em expansão do Produto Interno Bruto (PIB) em 2,48% em 2013, ante leitura de 2,47% na semana anterior.

(com Estadão Conteúdo e agência Reuters)