Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mercado financeiro mantém projeção do PIB em 1,50% para 2018

Já a previsão para o IPCA - o índice oficial de preços - de 2018 ficou estável em 4,11%, como no relatório da semana anterior

Economistas do mercado financeiro mantiveram a previsão para o PIB de 2018 em 1,5%, segundo o Relatório de Mercado Focus, divulgado nesta segunda-feira pelo Banco Central. É a mesma estimativa da semana passada. Há quatro semanas, o mercado projetava um avanço de 1,55% na economia. Para 2019, a projeção de crescimento foi mantida em 2,5%.

A previsão para o IPCA – o índice oficial de preços – de 2018 ficou estável em 4,11%, como no relatório da semana anterior. Há um mês, estava em 4,03%. Para 2019, os analistas do mercado preveem uma inflação de 4,10%. A projeção para o IPCA de 2020 foi mantido em 4%.

Veja também

A projeção dos economistas para a inflação em 2018 está dentro da meta deste ano, cujo centro é de 4,5%, com margem de tolerância de 1,5 ponto porcentual – podendo variar de 3% a 6,0%. A meta de 2019 é de 4,25%, com margem de 1,5 ponto (de 2,75% a 5,75%). Para 2020, a meta é de 4%, com a mesma margem de 1,5 ponto (de 2,5% a 5,5%). A meta de 2021 é de 3,75%, com margem de 1,5 ponto (de 2,25% a 5,25%).

A projeção para o IPCA 2018 atualizada com base nos últimos 5 dias úteis sofreu leve variação, passando de 4,11% para 4,10%. Há um mês, o porcentual calculado estava em 4,16%. Para 2019, a projeção do IPCA dos últimos 5 dias úteis variou de 4,10% para 4,11%.

Essas projeções do IPCA que consideram apenas os últimos 5 dias úteis são uma das novidades do novo formato do Focus. As projeções gerais do IPCA, que seguem fazendo parte do Focus, levam em conta os últimos 30 dias. Conforme o BC, a intenção de divulgar projeções com base nos últimos dias úteis tem como objetivo mostrar um retrato mais tempestivo do indicador de inflação.

(Com Estadão Conteúdo)